SOLIDARIEDADE: Após operação da Polícia Federal, Weverton Rocha deve viajar para Pinheiro.

O senador Weverton Rocha (PDT) chega na cidade de Pinheiro nesta quinta-feira (13) para prestar solidariedade ao prefeito Luciano Genésio.

O gestor é o alvo da “Operação Irmandade” deflagrada na manhã desta quarta-feira (12) com a finalidade de desarticular organização criminosa estruturada para promover fraudes licitatórias, desvio de recursos públicos e lavagem de dinheiro no âmbito daquele município envolvendo verbas federais da Saúde e Educação.

A solidariedade de Weventon com Luciano é idêntica a que o senador pedetista teve com  o empresário Francisco Carlos de Oliveira, dono da F. C. OLIVEIRA & CIA. LTDA, empresa alvo da Operação Alinhavado deflagrada em julho do ano passado.

Na ocasião, a PF esteve na sede da empresa em Codó para cumprir mandados busca apreensão no Inquérito que investiga desvio de recursos da Covid-19 por meio de contrato o qual deveria resultar na compra de centenas de litros de álcool para higiene de milhares de pessoas, não chegou na sua finalidade; foi tudo de “mentirinha”, houve simulação de entrega por meio de emissão de notas fiscais frias.

Afrontando o trabalho da Polícia Federal, Weverton foi até a cidade de Codó horas após a Operação Alinhavado e tirou uma foto abraçado ao empresário Francisco Carlos de Oliveira, alvo da PF que teve decretado o bloqueio de ativos financeiros, indisponibilidade de bens e sequestro de imóveis pela acusação de desvio de dinheiro público por meio de fraude em contratos feitos pode dispensa de licitação com a prefeitura de São Luís. Do blog do DC

Comentários em “SOLIDARIEDADE: Após operação da Polícia Federal, Weverton Rocha deve viajar para Pinheiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.