Prefeito que ouviu pedido de propina em ouro ainda aguarda verba solicitada ao MEC, diz advogado. 

O advogado do prefeito de Luís Domingues (MA), Gilberto Braga, que recebeu pedido de propina em ouro de pastor ligado ao Ministério da Educação (MEC), disse ao g1, nesta quinta-feira (23), que o município ainda aguarda a liberação de recursos para a construção de duas creches

Abdom Marinho explicou que os pedidos foram feitos em 2021 pelo Município de Luís Domingues para o Ministério da Educação e a liberação da verba ainda está em tramitação. Questionado, o advogado não soube datar exatamente quando foi feito o pedido. 

  • Compartilhe no WhatsApp
  • Compartilhe no Telegram

Luís Domingues, cidade localizada a 230 km de São Luís, é conhecida por abrigar garimpos ilegais. Parte da população vive da extração ilegal do ouro e a região também é conhecida pela produção de açaí. 

Segundo o IBGE, a estimativa de salário médio mensal dos trabalhadores formais em Luís Domingues era de cerca de 1,8 salários mínimos em 2019. Da população empregada formalmente naquele ano, apenas 6,1% trabalhava na própria cidade. 

Pedido de propina 

O prefeito do município de Luís Domingues (MA), Gilberto Braga, disse em um áudio divulgado pelo jornal “O Estado de S. Paulo” que um pastor pediu pagamentos – em dinheiro e em ouro – em troca da liberação de recursos para o município. Do G1 MA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.