O Machismo tem representante na Câmara Municipal de Vereadores de Pedreiras. Procuradoria da Mulher na Alema emite comunicado oficial em defesa da vereadora.

São indignantes as cenas registradas na sessão desta quarta-feira (06), na Câmara de Vereadores de Pedreiras. Durante o uso da palavra a vereadora Katyane Leite teve sua fala violentamente interrompida pelo parlamentar Emanuel Nascimento, que minutos antes, a chamara de “mentirosa”, insatisfeito com repercussão da votação de um projeto tido como inconstitucional pela maioria dos parlamentares, na semana passada. Ao ser rebatido, ele então se levanta e tira, à força, o microfone da parlamentar. Katyane se apropria de outro e ele novamente toma o microfone dela.

Vereador Emanuel Nascimento, um dos parlamentares de Pedreiras, Maranhão (Foto: Joaquim Cantanhêde)

“Você não vai falar”, bradava o vereador em cenas que dispensam legendas.

“Vereador, pode não”, diz a parlamentar Iaciaria Rios, no áudio captado pela transmissão. Uma funcionária intervém, indo até o parlamentar descontrolado. As omissões também provocam indignação, entre elas a paz com que o vereador Jotinha observa a cena. Nas cenas, nenhuma reação verbal da presidente Marly Tavares é registrada, apesar de estar entre os dois vereadores.

Na política, divergir é natural, argumentar mais ainda. Acusações devem ser amparadas com provas, mas quando uma mulher fala e um homem se levanta para a silenciar, isso tem nome: violência e machismo.

Fazemos questão da redundância: toda e qualquer violência e retirada de direitos, deve ser, dentro da força da lei, rechaçada e coibida, ainda mais quando praticada por um representante público, com a gravidade de ter ocorrido na ‘Casa do Povo’. Nos solidarizamos com a parlamentar e todas a mulheres feridas com uma ação, que mancha a história do Plenário Messias Rodrigues. Por todas as pedreirenses: que se faça justiça!

Fonte: O Pedreirense.com

PROCURADORIA DA MULHER NA ALEMA

A Procuradoria da Mulher na Assembleia Legislativa do Maranhão, na pessoa da sua procuradora, Deputada Estadual Daniella Tema (DEM), emitiu um comunicado oficial para aquilo que chamou de ATO COVARDE DE EXTREMA AGRESSÃO A DEMOCRACIA em face da vereadora Katyane Leite (PTB), em Pedreiras/MA.

Ainda em sua nota, a procuradora da mulher lamentou o ocorrido e se colocou à disposição da vereadora para as devidas medidas cabíveis, completou ainda informando que está tomando todas as medidas pertinentes ao caso junto ao Ministério Público do Estado para que seja investigado o ato covarde do vereador.

Nota da Procuradoria da Mulher na Alema

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.