MÉDICO É INVESTIGADO POR COBRAR POR CIRÚRGIAS EM HOSPITAL PÚBLICOS DE TERESINA

A Delegacia de Combate à Corrupção (DECCOR) deflagrou, na manhã de hoje (15), a operação Bisturi, que investiga denúncias de cobrança indevida de valores para realização de cirurgias em hospitais públicos de Teresina.Os policiais cumpriram três mandados de busca e apreensão, nas residências de um médico cirurgião e de um técnico de enfermagem, e em uma pensão localizada no centro da capital.

As investigações que iniciaram em 2019, apontam que existem indícios de fraude da documentação utilizada para justificar os procedimentos cirúrgicos.

Os dois servidores públicos foram afastados de suas funções até a conclusão das investigações. Eles podem responder pelos crimes de associação criminosa e corrupção passiva.

A polícia investiga outras pessoas que podem ter envolvimento no esquema. O nome da operação, “Bisturi”, faz referência ao instrumento de trabalho usado pelos servidores investigados.

Fonte: Portal R7

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.