Capitólio: Homem de 68 anos e natural de Alpinópolis é a primeira vítima identificada do desabamento de rochas.

O corpo de Júlio Borges Antunes já foi liberado para a família e deve ser enterrado ainda neste domingo (9).

A Polícia Civil confirmou a identidade de uma das pessoas que morreram no acidente em Capitólio. Segundo o delegado regional da Polícia Civil de Passos, Marcos Pimenta, trata-se de Júlio Borges Antunes, de 68 anos. A vítima era natural de Alpinópolis (MG). O corpo já foi liberado para a família e deve ser enterrado ainda neste domingo (9) em São José da Barra (MG). 

Polícia Civil identifica mortos após desabamento em Capitólio — Foto: Gustavo Oliva/EPTV

Ainda de acordo com o delegado regional, a Polícia Civil ainda trabalha na identificação das outras sete pessoas que morreram no acidente e segue buscando pelas duas pessoas desaparecidas. 

Vítimas estavam na mesma lancha

Oito pessoas morreram e duas seguem desaparecidas, segundo a Polícia Civil. Conforme disse o delegado regional Marcos Pimenta, durante coletiva de imprensa, todas as 10 vítimas estavam na mesma lancha, a Lancha Jesus. Todos estavam hospedados em um rancho em São José da Barra (MG). 

Oficialmente, apenas Júlio Borges Antunes foi identificado pela Polícia Civil. Entretanto, o delegado informou que já há informações sobre as demais pessoas que morreram e estão desaparecidas. Porém, a polícia aguarda a resposta dos laudos e dos testes de DNA para ter a comprovação oficial da identificação das vítimas. 

Entre as vítimas estão quatro pessoas de uma mesma família, sendo um casal, o filho e o neto deles. As outras vítimas são parentes e amigos desta família. Segundo o delegado, os policiais utilizaram fotografias de pessoas no trajeto até o passeio para auxiliar na identificação dos corpos. 

Não há informações de outras pessoas que poderiam estar desaparecidas e as investigações estão concentradas nesta embarcação. Do G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.